quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Oração

 Oração do passarinho


Meu Deus, 
sozinho
não sei rezar direito a minha oração!
Mas, por favor, 
protegei da chuva e do vento
meu ninho tão pequeno.
Colocai muitos grãos em meu caminho
e muito orvalho nas flores.
Fazei o azul bem alto
e bem macios os ramos.
Deixai até bem tarde no céu
vossa luz tão suave
e, no meu pobre coração, esta inesgotável música, 
a fim de que eu possa
cantar, cantar, cantar...
Eis, meu Deus, o que vos peço.
Amém! 

(Carmem Bernos de Gasztold)

Coloque-se no lugar de algum animal e escreva uma oração a Deus.

Antes de começar a escrever, pense:

1. nas necessidades dessa personagem;
2. naquilo que a faz alegre e feliz;
3. naquilo que a faz triste e infeliz;
4. nos seus desejos, sonhos e medos.

Anote esses dados. A seguir, escreva seu texto. Procure sentir como essa personagem sente, pensar como ela pensa e ver o mundo como ela vê. Arrase!

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Para rir um pouco...


Levei a imagem acima para minhas turmas e morremos de rir! Foi unânime o fato de que político faz mal à saúde, até de cobra! É um dos animais mais peçonhentos, perigosos! Aproveitamos para discutir rapidamente sobre isso e chegamos à conclusão, de que é um mal necessário, portanto, não devemos ser alienados quanto a isso nem ser o chamado "analfabeto político", que é um texto que me impactou bastante quando eu estava ainda na seta série! Olha que isso faz é tempo, vixe! (risos)

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Colocando o cérebro para malhar!


Nosso cérebro, se não for usado, e com frequência, tende a ficar "fora de forma", a atrofiar-se. E nos é sabido que hoje em dia muita gente só quer saber de malhar... o corpo, claro, e mais por conta do culto à beleza, muito menos por conta da saúde, que seria um vício justificado. Mas e malhar o cérebro? Por que não? Por que não tentar buscar o chamado equilíbrio? Só sairíamos ganhando, com certeza. 

Aproveitando a imagem acima, você deverá produzir um texto que com ela dialogue, de alguma forma. Pode ser um texto descritivo, narrativo, ou dissertativo. O que você preferir! Vamos lá?