segunda-feira, 30 de abril de 2012

Barroco no Brasil

Pesquisando já algumas coisinhas interessantes para o eixo bimestral do Primeiro Ano do Ensino Médio, referentes ao estilo literário denominado BARROCO, para ver se consigo tornar mais atraentes minhas aulinhas! Aceito indicações, sugestões dos meus ilustres seguidores e visitantes, viu!

O Barroco é justamente o período da Literatura que mais me atrai, talvez por tanto me identificar com ele e suas dualidades, contradições, antíteses, paradoxos, dúvidas... Sim, eu sou assumidamente barroca. Sou a única?!? (risos)

Um abraço a todos. Bom feriado!




domingo, 29 de abril de 2012

Proposta de Redação: Mafalda e a vitrine


Elabore um texto, de até 15 linhas, contando com suas palavras a situação vivida pela menina diante da vitrine!  Não deixe escapar nenhum detalhe, combinado? Não se esqueça também de dar um título bem interessante e criativo ao seu textículo! Arrase!

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Tentando inovar...

O texto a seguir me foi apresentado por um colega de Geografia, Afonso, e, assim que bati os olhos nele, senti que poderia dar um bom "caldo", de tão interessante e desafiador que o considerei. Lembrei-me de "Circuito fechado", de Ricardo Ramos, tão bom quanto! Fica aqui a dica!
Sorria! 

Deposite aqui. Aguarde. Ficha no caixa.
Leve três. Aceitamos todos os tíquetes.
Só com RG. Não pise
na faixa. Pague dois. Por quilo.
Facilite o troco. Até o vencimento.
Débito automático. Fila única.
Não tem chave. Não insista. Crédito
obrigatório. Confira. Buzine.
Conforme instruções. Relaxe.
É lei. Digite a senha. Silêncio. À vista.
Visite nossa cozinha. Senha não confere.
Obrigada. Atenção. Em jejum.
Fale com nossas operadoras.
Não desligue. Por favor. Não perfure.
Cuidado. Não rasure. Pare. Não amasse.
Bloqueado. Deseja salvar?
Sorria! Você está sendo filmado.

(Fernando Bonassi)


01) Quantas frases existem no texto? Organize-as de acordo com a possível profissão de quem teria feito uso delas:

02) Crie uma pergunta criativa para que pudesse ser respondida com uma dessas frases:

03) Há, no texto, uma palavra que foi nitidamente “aportuguesada”. Qual é ela? E a que língua ela pertencia?

04) Que mensagem o texto lhe transmitiu?

05) Quais as situações diárias de nossa vida reveladas nesse texto?

06) Crie um texto como este de um dia da sua vida:

07) Reorganize melhor o texto para que ele fique coeso e coerente:

08) O título está de acordo com o contexto da historia? Explique:

09) No texto, aparecem vários verbos no imperativo. Qual ou quais sentidos o autor quis despertar no leitor?

10) No texto lido, qual a função da linguagem predominante? Que marcas linguísticas podem comprovar sua resposta?

11) Em “Só com RG”, embora tenhamos uma ideia completa, não há uma oração. Explique:

12) No texto, existem mais períodos simples ou períodos compostos? Por quê?

13) Crie uma situação de comunicação que contextualizem as frases e expressões abaixo:
- Aceitamos todos os tíquetes.
- Só com RG.
- Não insista.
- Senha não confere.
- Fale com nossas operadoras.
- Deseja salvar?
- Sorria! Você está sendo filmado.

14) Qual tipo textual predomina no texto? Justifique:

15) Apesar de não haver elementos coesivos, podemos perceber claramente uma sequência textual. Explique por que isso ocorre:

16)  Existe mesmo possibilidade de o povo sorrir recebendo tantas ordens, tantos comandos? Ou você acredita que o povo reclame, questione tudo isso? Comente:

17) Qual a classe social que mais se adéqua com o texto? Por quê?

18) A ordem “buzine” existe? Ou é uma sugestão do emissor?

19) Crie uma imagem que ilustre bem o texto:

20) Mencione alguns locais e/ou situações nas quais você se depara com as frases do texto:

21) Escolha cinco frases que você considera simpáticas e outras cinco nem tanto. Justifique:

22) Elabore um gibi expondo as situações nas quais algumas dessas frases aparecem no seu dia-a-dia:

23) Encontre no texto cinco frases nominais e cinco frases verbais:

24) Escolha duas frases verbais e as transforme em nominais:

25) Escolha duas frases nominais e as transforme em verbais:

26) Escolha duas frases com períodos simples e as transforme em períodos compostos:

27) Encontre no texto um exemplo de frase: negativa, afirmativa, interrogativa e exclamativa:

28) Pense em uma pessoa que está diariamente em contato com essas frases. Que perfil essa pessoa teria? Elabore um texto narrativo/descritivo sobre o tema:

29) O que você pensa sobre esse tipo de comunicação indireta? Quais aspectos são positivos? Quais são negativos? Pense nisso e elabore um texto opinativo:

30) Por que este texto não seria, por exemplo, entendido numa zona rural do Amazonas?

(Autores: Andreia Dequinha, Cris Barata, Maria Regina, Édina Moura, Débora Patrícia, Sandra Vitezi, Carmem Lúcia, Vânia Oliveira, Hellem Toledo, Marly Corrêa, Helaine Soares, Sandra Prado e Zizi Cassemiro)

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Alguém ainda duvida do poder da leitura?!?

Conheci o vídeo abaixo graças à indicação da Yara Reis, uma colega do grupo INTEXTOS, do qual tenho o maior orgulho de pertencer, e fiquei muitíssimo encantada! Realmente acredito na importância (tamanha) da leitura e no poder que ela tem de gerar mudanças em cada ser, no mundo, seja ele interior ou exterior. Compartilho! Espero que gostem! Um abraço a todos e me desculpem pelo sumiço e aparente "abandono" deste meu cantinho! Culpa da correria, apenas dela!  


terça-feira, 24 de abril de 2012

Atividade com recortes de jornais ou revistas


Depois de prestar muita atenção no vídeo acima, que tal propor para os seus alunos uma atividade bem dinâmica utilizando recortes de jornais ou revistas?!? Os meus costumam curtir pra valer... sempre fazem  suuuuper animados, apesar do medo inicial por perceberem que praticamente nenhuma palavra tem algo a ver com a outra!!! (e não sabem eles que a intenção é justamente esta!!!)

A mágica de tal atividade é justamente desafiar cada dupla (mas pode fazer individualmente ou em trio, dependendo do gosto do freguês) a usar as dez (ou mais) palavras (e até mesmo frases, se quiser dar uma dificultada básica!) que cada uma recebeu e transformar algo solto em um texto coeso, coerente, bem "costuradinho" e com sentido de unidade!!! Melhor forma de se aprender, na prática, coesão e coerência!!! Recomendo!!! Tente e depois me diga como foi, combinado?!?

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Proposta de Redação - Mafalda e a democracia


Sou apaixonada pela Mafalda, que sempre está nos surpreendendo e nos dando verdadeiras lições de moral! Esta tirinha então, sobre a piada que é a democracia em nosso país, é demais! Aposto como ele daria um delicioso tema de redação! Que tal você sugerir dez temas possíveis e dois títulos para cada um deles?!? Arrase!!!